50 anos de Star Trek

 

Como falar de uma franquia…não…mais que isso! Uma cultura, um estilo de vida, a propósito longa e próspera. Há exatamente 50 anos este nome seria gravado no coração de todo nerd, que um dia já sonhou em ser um viajante espacial, explorador de galáxias.

Seu primeiro episódio foi ao ar nas telinhas americanas no dia 8 de Setembro de 1966, mas na verdade no início, ela não foi tão aclamada como é atualmente, seu criador Gene Roddenberry tinha uma ideia que era considerada na época (e creio que ainda é um pouco até hoje) avançada e intelectual, pois se tratavam de ideais muito distintos pregados em uma época de conflitos da guerra fria, e a luta contra o racismo, digo isto olhando para a equipe recrutada para integrar a nave Enterprise:

 

Produtores da série original Star Trek

 

 

Cap. Kirk

 

Cap. James T. Kirk (interpretado por Willian Shatner), era o mais jovem capitão da Frota Estelar, não considerado um padrão para a posição (intereressante que na versão piloto era uma mulher a ocupar este cargo, algo que gerou revoltas e não foi ao ar).

 

 

spock

 

Sr. Spock (interpretado por Leonard Nimoy) é imediato e oficial de ciências da nave Enterprise, um híbrido, fruto do  casamento do Embaixador Sarek de Vulcano e da Prof. Amanda da Terra.

 

 

mccoy

 

Dr. Leonard “Magro” McCcoy (interpretado por DeFores Kelley), nascido na Terra, é um típico médico do interior, é extrovertido e passional, não gosta muito de protocolos.

 

 

 

scott

 

Tenente Comandante Montgomery Scott (interpretado por James Doohan), engenheiro chefe da nave, nasceu na Terra, Escócia. É conhecido como “fazedor de milagres” isso devido ao seu profundo conhecimento da alta tecnologia utilizada nas naves estelares.

 

 

sulu

 

Hikaru K Sulo (interpretado por George Takei) é o piloto da USS-Enterprise, apreciador de botânica e exímio esgrimista, é especialista em armas antigas. Posteriormente foi promovido a Capitão da USS Excelsior.

 

 

 

 

uhura

Nyota Uhura (interpretada por Nichelle Nichols), é a oficial de Comunicações, nasceu nos Estados Unidos da África, seu nome significa “liberdade” na língua swahili.

Formada em matemática e física, é também colecionadora de canções. Ela e o Sr. Spock , muitas vezes garantem a diversão na sala de recreação da nave. Ela cantando e ele tocando um instrumento Vulcano, parecido com a harpa.

 

 

checov

 

Pavel Andreievich Checov (interpretado por Walter Koenig), alferes navegador da USS Enterprise. Um russo patriótico de espírito alegre, jovial e impulsivo. Depois foi promovido a chefe de segurança da Enterprise. Alega sempre que seus ancestrais inventaram de tudo.

 

 

 

 

Dentre os mais importantes, vemos nitidamente a miscigenação de países que gerou um pouco de polemicas e no final a primeira série só durou 3 temporadas. O que fez que ela se tornasse um sucesso foi sua reprise durante dos anos 70 o que pegou desprevenidos os produtores da série. Obviamente depois disso todo mundo já sabe, foi um sucesso gigantesco, com diversas formas de representação, como desenhos animados, filmes, séries derivadas, e várias continuações do original. Mas vamos a algumas curiosidades que aconteceram durante este tempo:

 

  1. Primeira Tripulação

A formação da primeira tripulação da nave foi propositadamente diversa, porque seu criador Gene Roddenberry desejava mostrar um futuro muito mais utópico. Imaginem, a ponte de comando era dividida entre brancos, negros e orientais, além de um russo co-pilotando a nave em plena Guerra Fria.

 

  1. Vida longa e próspera!

A famosa saudação vulcana foi inventada por Leonard Nimoy, que foi baseada numa benção de sacerdotes judeus. Aliás essa referência é apenas a ponta do iceberg entre dezenas de outras referências hebraicas na série, como por exemplo a cultura milenar vulcana, da lógica acima da razão, que faz referência a uma vertente judaica chamada Talmidic onde existe a tradição de que o melhor argumento lógico vence um conflito, e onde a mente deve sempre governar o corpo acima de suas paixões.

 

  1. USS Enterprise (NCC-1701) na NASA

A primeira nave espacial da NASA foi batizada de Enterprise após uma campanha maciça de fãs americanos, que inundaram os escritórios da agência espacial pedindo por isso.

 

  1. A maldição do vermelho

Na série original, os membros da tripulação que utilizavam uniforme vermelho eram mais susceptíveis a morte que os demais. (O reboot de Star Trek de 2009 fez uma referência a este fenômeno, ao mostrar a morte do Engenheiro-Chefe Olson, que utilizava um uniforme vermelho).

red

 

  1. Idiomas Intergaláticos

Entre as raças alienígenas presentes na série, estão os klingons, os romulanos, ferengis, borgs, andorianos, cardasianos e vulcanos (entre os eles, Spock). A comunidade do colégio Tahoe (USA), oferece em um de seus diversos temas on line o curso “Xenolinguísticas – a antropologia das línguas alienígenas” onde os alunos estudam, entre outras línguas, o vulcano , o romulano e klingon.

 

 

Curiosidade Bônus em homenagem ao grande ícone que foi:

 

Spock
O único ator a aparecer em todos os episódios da série original foi Leonard Nimoy.

 

Se você também é fã da série e tem mais curiosidades para nos contar, deixe sua opinião nos comentários.

Não esqueça de compartilhar e se inscrever no nosso canal do Facebook!

 

 

 

Fontes:

http://www.ussventure.eng.br

https://osantuario.com/

Deus sabe o que faz, eu não.

André Gross

Deus sabe o que faz, eu não.

Deixe uma resposta